AVA BPO Financeiro - Terceirização financeira

5 práticas para diminuir desperdícios na sua empresa

Manter uma gestão financeira organizada requer foco e organização. Desperdícios são gastos não cruciais para manter a operação e estrutura da empresa funcionando e se mal administrados podem consumir boa parte do recurso financeiro.

Nesse caso, como realizar a gestão financeira de maneira eficiente?

Veja no post de hoje o que são desperdícios, as principais diferenças entre um desperdício com gastos essenciais e as melhores práticas para reduzir custos com o que é menos importante para a empresa. 

O que são desperdícios?

o que é um gasto supérfluo

Desperdícios podem ser considerados aqueles gastos que não são tão primordiais para que a operação e estrutura da empresa continue funcionando. 

Em outras palavras, não fariam tanta falta no dia a dia da empresa e podem ser substituídos ou consumidos de forma mais econômica, como por exemplo, impressões desnecessárias.

Qual a diferença entre desperdícios e gastos essenciais?

Um gasto essencial mantém-se constante independente do volume de produção ou serviço de uma empresa. Podemos exemplificar gastos com folha de pagamento ou até mesmo aluguel de sala. Já um desperdício pode ser cortado ou reduzido da empresa sem que isso afete diretamente a atividade-fim do negócio. 

Vamos tomar como exemplo o material de escritório onde são pedidos a cada dois meses o montante de 100 canetas. Se for constatado que esse gasto não se faz necessário nessa quantidade,a  empresa pode optar por reduzir este custo pela metade, promovendo o uso consciente e realocando o recurso para outra atividade mais estratégica.

5 práticas para diminuir desperdícios dentro da empresa

práticas para melhorar a gestão financeira

O assunto parece complexo, mas com algumas práticas você consegue obter melhores resultados em relação aos custos supérfluos. Separamos 5 dicas para você, confira. 

1.Liste as categorias de contas mais representativas

As categorias de contas mais representativas são aquelas que representam um maior custo para a sua empresa. Ao fazer essa lista, você pode classificá-las entre custos estratégicos e supérfluos. Além disso, é possível categorizar de acordo com cada finalidade. Um exemplo são os gastos relacionados à área de marketing, inovação na área de vendas, relacionamento com o cliente, etc.

2. Faça uma análise detalhada dos gastos que compõem essas categorias

Alguns gastos podem não se justificar dentro da empresa. Altos custos com energia elétrica, excesso de material de limpeza ou escritório podem ser reavaliados, assim como custo excessivo com viagens. É a hora de se perguntar: faz sentido manter todo esse custo? 

Em relação à conta de energia é possível até chamar um especialista da operadora a fim de verificar quais mudanças seriam necessárias para diminuir o consumo dentro da empresa. Mas com muita estratégia é possível diminuir um bom percentual deste gasto.

3.Envolva pessoas-chaves no processo

Redução de custos não deve ser um problema unicamente da direção. É necessário envolver as principais lideranças das áreas para que eles auxiliem a promover respectivamente com cada equipe ações que visem um consumo mais sustentável.

Um planejamento de comunicação interna abrangendo todos os colaboradores irá direcionar as lideranças para iniciativas que engajem a todos e também faça alcançar este objetivo organizacional.

4.Conscientize sua equipe

conscientizar sobre gastos supérfluos

Com o planejamento pronto, chegou a parte mais difícil de colocar em prática: a conscientização da equipe. Afinal, se a empresa precisa reduzir custos, não atingirá esse objetivo se não envolver todos os colaboradores neste desafio.

A empresa pode promover uma ampla campanha interna que inclui práticas relacionadas a evitar ar condicionado ligado sem ninguém na sala, fazer uso do telefone de forma consciente, placas indicativas conscientizando que as pessoas desliguem luzes ao sair, promover uso mais consciente dos materiais de escritório disponibilizados. 

Pode inclusive lançar um desafio como meta de redução de custos, engajando ainda mais toda a equipe a alcançar este objetivo organizacional

5.Conte com profissionais especializados em gestão financeira

Fazer uma redução de custos consciente e estratégica é fundamental para que você tenha resultados satisfatórios, o que requer conhecimento específico em gestão financeira. 

É fato que se um gestor tem inúmeras demandas estratégicas para dar conta, ter uma análise minuciosa dos custos e quais cortes devem ser feitos podem tomar tempo e com pouco conhecimento pode levar a decisões equivocadas.

Por isso, contratar um profissional especializado em gestão financeira permite um olhar mais clínico tanto para a análise de custo quanto para ações operacionais. 

Veja como AVA pode auxiliar você a aprimorar a gestão financeira da empresa

Conclusão

Os desperdícios se não forem bem dosados podem consumir boa parte do orçamento do empreendedor que deixa de investir em ações que realmente possam trazer benefícios ao negócio.

Por isso, é imprescindível ter uma gestão financeira estratégica. Listar os custos essenciais, analisar os desperdícios, envolver as pessoas-chave no processo são algumas das práticas que podem auxiliar você a ter uma redução de custos com gastos .

Outro ponto importante é que em determinados casos ter um profissional especializado para realizar a gestão financeira do seu negócio traz um resultado mais certeiro acerca dos gaps e oportunidades de melhoria na sua gestão. 

A  AVA conta com uma equipe que fará uma análise minuciosa e irá propor insights de acordo com a realidade do seu negócio para incrementar resultados. Entre em contato com o nosso time.

Gestão Financeira Premium

Você está a um passo de melhorar a sua gestão financeira! Preencha as informações abaixo e solicite um orçamento.

Uma transação é considerada uma linha no extrato da sua conta bancária.
Não considere contas de aplicação dentro da sua conta corrente.

Gestão Financeira Completa

Você está a um passo de melhorar a sua gestão financeira! Preencha as informações abaixo e solicite um orçamento.

Uma transação é considerada uma linha no extrato da sua conta bancária.
Não considere contas de aplicação dentro da sua conta corrente.

Gestão Financeira Básica

Você está a um passo de melhorar a sua gestão financeira! Preencha as informações abaixo e solicite um orçamento.


    Uma transação é considerada uma linha no extrato da sua conta bancária.

    Não considere contas de aplicação dentro da sua conta corrente.


    SimNão

    Uma transação é considerada uma linha no extrato da sua conta bancária.
    Não considere contas de aplicação dentro da sua conta corrente.
    Precisa de ajuda? Fale conosco pelo WhatsApp